Guia rápido sobre laboratório de apoio: o que é, como funciona e os benefícios

laboratório de apoio
7 minutos para ler

Quando se trata da saúde da população, um dos primeiros assuntos que vêm à cabeça é a procura por médicos e a realização de exames para fazer aquele check-up importante. Nessa infinitude de serviços, os laboratórios de apoio são um excelente recurso para alavancar o crescimento dos laboratórios.

Como reflexo da preocupação com o bem-estar, a área da saúde está com crescimento exponencial, gerando oportunidades para o setor laboratorial. Entretanto, em decorrência da alta demanda, nem sempre se consegue atender à população sem percalços — o que não é, necessariamente, um problema.

Contando com os laboratórios de apoio, pode-se aumentar a gama de serviços oferecidos, trazendo mais negócios com custos reduzidos.

Você conhece a ideia de laboratório de apoio? Se tem interesse em entender os principais aspectos desse assunto, confira este artigo!

O que é laboratório de apoio?

Um assunto importante para um laboratório de menor porte é conseguir atender um determinado público mesmo que não tenha capacidade em termos de infraestrutura. Para isso, ele passa a receber suporte de um outro laboratório, o qual, por sua vez, deve ter toda a capacidade técnica para tal.

O objetivo desse tipo de prática é minimizar os efeitos da falta de estrutura e aumentar o campo de atuação. Apesar de parecer algo complexo, todo o processo é realizado a partir de um software, que faz a integração entre os dois estabelecimentos envolvidos.

Além de facilitar o funcionamento do laboratório apoiado, este passa a atuar em maior escala; enquanto o outro lado da ponta recebe o proporcional pela atuação. 

Todavia, claramente, o principal beneficiado de tal prática será o consumidor, que, independentemente de estar em uma região que não tenha boa infraestrutura operacional, terá as entregas equivalentes às daqueles que têm acesso direto a tais benefícios.

Como ele funciona?

A prática de laboratório de apoio se dá quando uma instituição não possui recursos, profissionais e equipamentos, para realizar um determinado exame diagnóstico e solicita a uma empresa parceira que execute a ação necessária. Na maioria das vezes são exames que não possuem volume suficiente para justificar que o apoiado possua estrutura para realizá-los. O laboratório de apoio em contrapartida, por receber demanda de vários laboratórios, consegue realizar estes exames a um custo reduzido.

A partir da coleta dos exames, inicia-se a troca de informações e materiais para a realização da tarefa. Os dados são enviados via sistema, o que reduz os erros humanos, além de acelerar o processo. Vale ressaltar que, independentemente dos sistemas utilizados entre as duas empresas, é possível fazer o intercâmbio de dados sem nenhum problema.

O repasse correto das informações é um ponto crucial para o sucesso desse tipo de transação diagnóstica. A partir do momento em que a amostra é enviada, o laboratório de apoio já deverá contar com o máximo de informações para que possa executar o processo.

É responsabilidade da gestão laboratorial do apoiado determinar qual será o laboratório de apoio e a quais necessidades ele atenderá, de modo que possa conseguir ampliar seu campo de atuação no mercado. Por outro lado, é dever do apoio, realizar as atividades garantindo segurança e qualidade dos atendimentos.

Por que esse é um importante recurso?

O principal ponto de atenção desse tipo de prática é o próprio consumidor, afinal, ele é quem receberá um atendimento de qualidade independentemente da sua localização ou recursos para a locomoção. 

Como, quando se trata de exames específicos, laboratórios menores tem recursos limitados, eles devem procurar mecanismos que permitam servir a todo o seu público. A prática denominada laboratório de apoio é uma forma muito eficiente para atingir tal objetivo. 

Na visão do apoio que faz a terceirização, os benefícios surgem da mesma forma, já que ele passa a atingir públicos que não atingiria inicialmente, o que proporciona um aumento considerável de receita, aproveitando os recursos já existentes, sem necessidade de novos investimentos.

Sob todos os pontos de vista, o processo de laboratório de apoio é benéfico e já faz parte da rotina laboratorial. Todavia, é muito importante que exista um alinhamento de confiança entre os envolvidos e a garantia de que ambos entreguem aquilo que o outro demanda para a execução — o apoiado com dados e amostras; o apoio com a realização dos exames e a devolução dos laudos com qualidade.

Quais são as vantagens?

Economia em investimentos para ambas as partes

Expandir seu campo de atuação nem sempre é um processo fácil, mas é necessário criar novas oportunidades de mercado. Caso você já tenha estrutura para ampliar o número de exames, mas não tenha demanda suficiente, se tornar um laboratório de apoio pode ser um ótimo negócio, pois poderá manter o parque de instrumentos trabalhando na sua capacidade máxima, reduzindo custos. Para realizar esse processo, não são necessários grandes investimentos, afinal, não será preciso investir em novas unidades ou profissionais para captação de consumidores, apenas aceitar maior demanda.

Em contrapartida, laboratórios apoiados de porte menor e, consequentemente, com poder aquisitivo limitado, podem se beneficiar dos apoios para não perder seus clientes, por não poderem atendê-los. Existem laboratórios atualmente que não processam nenhum exame, apenas coletam as amostras e as enviam na sua totalidade para os apoios.

Ampliação da carteira de pacientes

Ainda sob a ótica de crescimento de mercado, tornar-se laboratório de apoio permite ampliar o número de pacientes em atendimento. Isso, porque o apoiado intermedeia e oferece novos consumidores ao seu negócio, que podem, com o passar do tempo, consumir ainda mais e se tornarem fiéis ao seu serviço

Enquanto isso, os laboratórios menores passam também a ter um crescimento de sua carteira, visto que conseguem oferecer, mesmo que indiretamente, novos serviços.

Redução de custo

Um dos principais benefícios da terceirização de serviços é a possibilidade de diminuição de custos para ambos lados. Para o laboratório menor, porque poderá diminuir os custos operacionais e focar em novos resultados; para o de apoio, porque conquistará novos mercados sem investimento. Ou seja, em termos de crescimento, ambos saem beneficiados.

A demanda gerada pelo mercado de laboratórios continua sendo o principal motivo para que os laboratórios de apoio surjam, mas não é o único. Mais do que isso, há a busca pela realização dos processo com garantia de excelência, integridade e segurança das amostras e dos pacientes.

Para isso, é fundamental trabalhar com sistemas que ofereçam todo o amparo tanto para o laboratório de apoio quanto para aquele que é apoiado. Nesse sentido, é recomendável recorrer a empresas especialistas, que ofereçam sistemas de qualidade. A Matrix, por exemplo, é autoridade nesse assunto, e acompanhará seu laboratório desde o início com pouco volume, até você se tornar um apoio, se desejar.

Gostou do nosso texto? Aproveite para conferir ainda mais a respeito de softwares para laboratórios!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.