Confira nossa lista com 9 séries médicas e o que você pode aprender com elas!

séries médicas
6 minutos para ler

Os seriados têm se tornado um dos assuntos favoritos em roda de amigos, especialmente as séries médicas. O que muita gente não sabe é que elas podem ir além da diversão. Isso porque os episódios com suas histórias atrativas e enredos marcantes também podem trazer muito conhecimento, como o aprendizado com o trato humanizado com pacientes, relações no ambiente médico e, principalmente, de que forma administrar clínicas e laboratórios de forma eficiente. 

Quer saber mais sobre as principais séries médicas muito assistidas no momento? Então continue a leitura para conferir a sinopse de cada uma delas e entender por que elas devem ser assistidas. 

1. The Good Doctor 

Uma das séries médicas que vem fazendo muito sucesso atualmente é a The Good Doctor (2017), que conta a história de um jovem cirurgião, Shaun Murphy (Freddie Highmore), portador de um distúrbio psíquico muito raro — síndrome de Savant — e também do autismo. Tudo começa quando ele é chamado para trabalhar no setor de pediatria de um hospital de grande notoriedade. 

Devido às doenças, tem dificuldade de se relacionar com as pessoas à sua volta, apesar de ser um exímio profissional. 

Dessa forma, o seriado mostra as características da doença no dia a dia e lições importantes, como a possibilidade de uma pessoa com limitações fazer um excelente trabalho e pensar “fora da caixinha” para conseguir soluções. Além disso, leva à reflexão de como a empatia é importante nos atendimentos na área da saúde, já que o protagonista tem dificuldade em diferenciar as informações que realmente devem ou não ser compartilhadas com os pacientes.

2. Sob pressão

Sob Pressão (2016) é uma série brasileira que mostra a rotina tensa de médicos de um hospital público do Rio de Janeiro. Em cada episódio, são mostrados os desafios que devem ser enfrentados em um ambiente caótico, que não tem os materiais e a infraestrutura necessários para a realização eficiente dos atendimentos. 

O enredo deixa claro os problemas que podem ocorrer com a falta de recursos e o quanto uma gestão humanizada faz a diferença no tratamento e bem-estar dos pacientes e familiares. 

3. Grey’s Anatomy

Grey’s Anatomy (2005) é uma das séries médicas mais longas desta lista, com 16 temporadas. Os episódios são protagonizados por Ellen Pompeo, que interpreta Meredith Grey, que começa na história como uma interna de um hospital cirúrgico. O enredo se desenvolve entre seus colegas, mostrando suas vidas amorosas e as dificuldades profissionais. 

Bons exemplos de liderança podem ser tirados dessa trama, como o trabalho realizado com a equipe de Meredith, e também a trajetória de Miranda Bailey (Chandra Wilson), que se tornou chefe da sua área pela sua competência, persistência e forma de liderar. 

4. Private Practice

Private Practice (2007) é um drama médico que narra a vida da Dra. Addison Montgomery (Kate Walsh). A história inicia com ela deixando o hospital para participar de um consultório particular em Los Angeles. 

Além de mostrar a rotina médica, a série trata também da gestão de uma clínica. Na segunda temporada, por exemplo, o local passa por dificuldades financeiras, devido a uma dívida. Junto a esse problema, eles precisam lidar também com a concorrência de uma nova clínica, a Pacific Wellcare, localizada no mesmo edifício. Ao longo dos episódios são feitas algumas mudanças para que o consultório não feche.

6. Nurse Jackie

Nurse Jackie (2009) mostra a rotina de uma enfermeira competente e dedicada — a qual dá o nome da série — e de seus colegas no hospital. A protagonista muitas vezes passa por cima das regras da diretoria para salvar seus pacientes. 

Apesar do profissionalismo, Jackie tem um vício em remédios, que faz com que ela engane a todos e cometa alguns erros, envolvendo inclusive o seu trabalho.

Ademais, os episódios apresentam sempre por meio dos médicos tudo o que um profissional da saúde não deve ter como característica, como a arrogância, a vaidade e a superficialidade. 

7. Chicago Hope 

Chicago Hope (1994) é uma das séries mais antigas, mas muito acompanhada até hoje. O enredo gira em torno do protagonista Dr. Jeffrey Geiger (Mandy Patinkin), que é um cirurgião promissor, com problemas emocionais decorridos da morte do seu filho — pelas mãos da mãe do menino. 

Nos episódios, é interessante ver a garra dos profissionais e a luta para superar seus interesses, problemas e desvios de ética com a boa intenção de colocar a vida e o bem-estar dos pacientes em primeiro lugar. 

8. HawthoRNe 

HawthoRNe (2009) é protagonizada pela doce Dra. Chistina Hawthorne (Jada Pinkett Smith), que trabalha duramente para salvar seus pacientes. Por causa disso, passa por diversas situações complicadas, como atender mulheres sem-teto na entrada do hospital em que trabalha, ou mesmo conversando com pacientes na tentativa de convencê-los a não acabarem com a própria vida, já que muitos tentam cometer suicídio nessa situação. 

O seriado mostra a competência e compaixão da profissional, a importância da humanização do atendimento, muitas vezes esquecidos pelos médicos e demais profissionais da área da saúde.

9. New Amsterdam

New Amsterdam (2018) é uma série nova, que conta a história do médico e diretor de um hospital Dr. Max Goodwin (Eggold), que tenta a todo custo resgatar o antigo hospital em seus anos de ouro, enquanto enfrenta um grande drama pessoal. Para isso, ele tem a ideia de realizar tratamentos de doenças graves, como ebola, e pacientes excêntricos, como nada menos que o presidente dos Estados Unidos.

O enredo do seriado exibe os esforços de Max para dar ânimo à equipe, mostrando a importância da motivação dos colaboradores no dia a dia de trabalho. 

Como você pode ver, há várias séries médicas que podem ser acompanhadas para além do entretenimento. Assim, assistindo aos episódios é possível absorver muitas informações sobre gestão e liderança para sua clínica/consultório e também maus exemplos do que não deve ser feito de maneira alguma, como em Nurse Jackie. 

Quer receber mais conteúdos como este? Então não perca tempo e assine nossa newsletter para receber todas as novidades do blog em primeira mão. Até a próxima!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.